COLUNA FIQUE POR DENTRO

Posted On Terça, 23 Novembro 2021 06:51
Avalie este item
(1 Votar)

PIONEIROS QUEREM VOLTAR AO TRABALHO

Os bons homens e mulheres que chegaram ao Tocantins nas primeiras horas da criação do Estado, estão se mobilizando para buscar o acolhimento dos seus retornos ao serviço público no governo do Estado.

 

A PEC 397 foi aprovada pela Câmara após aprovação no Senado.

 

Uma resposta precisa ser dada aos pioneiros, sem “arrodeios” e de forma direta. Em conversa com pioneiros que vieram de Araguaína, Arrais, Tocantinópolis e de outros tantos municípios, todos por meios próprios, aumentou a sensação de que eles precisam ser respeitados e ter sua demanda tratada com agilidade e atenção.

 

São homens e mulheres que ajudaram a construir Palmas e o Tocantins e têm importantes serviços prestados ao povo tocantinense.

 

DIFICILMENTE DIMAS FICARÁ NO PODEMOS

O ex-prefeito de Araguaína, Ronaldo Dimas passa, minimamente, por uma profunda reflexão sobre permanecer ou deixar o partido do qual é o presidente estadual, o Podemos, pelo fato da filiação do ex-ministro e ex-aliado de Jair Bolsonaro, Sérgio Moro, que é o candidato da legenda para a presidência em 2022, e tornou-se inimigo público do presidente da República.

 

Pesa contra a permanência de Dimas o fato de o seu governo ter recebido milhões e milhões de reais do governo Jair Bolsonaro, por intermédio do senador Eduardo Gomes, justamente líder do governo de Bolsonaro no Congresso Nacional.

Outro fato, é que o Podemos não cresceu, muito menos “criou liga” no Tocantins.

 

Por essas e por outras, não está descartada a possibilidade de Dimas procurar abrigo em uma nova legenda.

 

MUDANÇAS EM ANDAMENTO

Segundo o que foi detectado pelo Observatório Político de O Paralelo 13, mudanças nos comandos da maioria das legendas, no Tocantins, farão parte do cenário político em um futuro próximo.

 

A acomodação de forças e o alinhamento de objetivos ainda vai depender dos “ventos” que sopram em Brasília e, por isso, ainda não têm data para acontecer.

 

Pelo andar da carruagem, as transformações no tabuleiro político prometem ser inacreditáveis, e pegarão muita gente de surpresa.

 

A conferir em breve...

 

SUSPENSÃO DAS PRÉVIAS DO PSDB ACIRRA DIVISÃO DENTRO DO PARTIDO

A suspensão das prévias do PSDB, que ocorreriam no último domingo, e as farpas trocadas entre os pré-candidatos à presidência pela legenda em 2022, João Dória e Eduardo Leite, podem transformar o partido de tucano em beija-flor, diminuindo sensivelmente a força e a influência do partido, na hora de sentar à mesa para as discussões presidenciais.

 

O imbróglio abre a possibilidade de haver uma debandada na legenda, assim que for aberta a “janela partidária”, em fevereiro do ano que vem.

 

Isso é fato!

 

DARCI EM BRASILIA

O secretário de Representação Política em Brasília, Dr. Darci Coelho, sem sombra de dúvidas, será de grande valia para os interesses do Tocantins junto ao governo federal, aos ministérios e demais instituições.

Dr. Darci é capaz de trazer bons dividendos para a gestão de Wanderlei Barbosa, fazendo valer o ótimo trânsito que tem com todos os membros da bancada federal tocantinense, além de estar praticamente “em casa”, pois já exerceu três mandatos consecutivos como deputado federal.

 

O Tocantins só tem a ganhar com Dr. Darci zelando pelo Estado em Brasília.

 

WANDERLEI FOCA RESULTADOS POSITIVOS PARA SUA GESTÃO

Sabedor da sua missão e do seu papel na manutenção da integridade do governo do Estado, o governador em exercício, Wanderlei Barbosa quer focar em ótimos resultados e deixar sua marca, seja qual for o tempo que tiver no comando administrativo.

 

Além de autorizar a secretaria do Trabalho e Ação Social a dar prosseguimento na distribuição de cestas básicas e kits de higiene, Wanderlei acelerou a realização de cirurgias de média complexidade e autorizou a recuperação da rodovia que liga Silvanópolis a Porto Nacional.

 

Isso demonstra preparo e equilíbrio na busca pela resolução das demandas mais urgentes da população.

 

CODEVASF E CALHA NORTE COM O DNA DO SENADOR EDUARDO GOMES

O senador Eduardo Gomes, líder do governo de Jair Bolsonaro no Congresso Nacional, conseguiu trazer para o Tocantins as duas “pepitas” do investimento público para as 139 administrações municipais – Codevasf e Projeto Calha Norte.

 

Encampada por todos os membros da bancada federal tocantinense, a integração dos 139 municípios na Cdovesaf e no Projeto Calha Norte, já resultou em emendas impositivas para a Codevasf investir em pavimentação e saneamento básico, já em execução em dezenas de municípios e o Calha Norte vai oxigenar, financeiramente, as administrações, que poderão realizar as obras que mais precisam.

 

Serão, entre a Codevasf e o Calha Norte, mais de 900 milhões de reais, que estão chegando ao Tocantins graças à habilidade e ao prestígio do senador Eduardo Gomes que, sempre que fala sobre o assunto, faz questão de dividir o “louros” com toda a bancada federal.

 

EMPRESARIO E POLÍTICO: EDSON TABOCÃO PRECISA FICAR ATENTO

O empresário bem-sucedido no ramo dos combustíveis, Edson Tabocão, decidiu entrar para a política a partir de 2022.

 

Todo cuidado é pouco para o empresário, uma vez que, apesar de sua boa reputação e boa índole, sempre há o risco de incorrer em “dolo eleitoral”.  Ou seja, se valer da boa situação financeira para conquistar postos avançados na política.

 

A política tem diversas “entrelinhas” que precisam ser muito bem entendidas.  Que o diga Moisés Abrão, que só arrumou “sarna pra se coçar” na política.

 

Por isso, alertamos e desejamos todo sucesso a Edson Tabocão na vida pública.

 

A VIDA POLÍTICA NÃO PODE SE MISTURAR COMA VIDA PRIVADA

Os tambores da sucessão estadual já estão “rufando”, no aquecimento para o embate de 2022.  Desde já, lançamos, aqui, um desafio aos postulantes para que mantenham o alto nível no processo eleitoral, sabendo diferenciar o que é adversário de inimigo.

 

Na semana passada houve engarrafamento nas redes sociais por causa de uma matéria que denegria a vida pessoal de Mauro Carlesse, justo no momento em que se encontra afastado da vida pública.

 

Esse é o mesmo método vil e desumano que atingiu o seio da família do ex-governador Marcelo Miranda, quando o foco deveria ficar apenas na disputa política.

 

Pelo visto, tudo indica que seja obra da mesma pessoa – ou grupo de pessoas – sem caráter, que não se importam com a própria reputação e querem denegrir a dos outros.

 

O Tocantins não aceita mais esse tipo de atitude, e já há pessoas prontas para delatar os autores desses verdadeiros crimes contra a vida pessoal de alguns políticos.

 

MORAES SUSPENDE QUEBRA DE SIGILO DE BOLSONARO POR CPI

O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), determinou nesta segunda-feira, 22, a suspensão da quebra de sigilo telemático do presidente Jair Bolsonaro, aprovada pelos parlamentares da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid na reta final dos trabalhos do grupo no Senado, em outubro deste ano.

 

Na decisão, Moraes argumenta que as medidas adotadas pelos senadores "distanciaram-se do seu caráter instrumental", porque acabou "por extrapolar os limites constitucionais investigatórios de que dotada a CPI ao aprovar requerimento de quebra e transmissão de sigilo telemático" do presidente da República. A Constituição impede a investigação do chefe do Executivo por comissões parlamentares.

 

VAGA NO TCU É ABERTA COM INDICAÇÃO DE MINISTRO PARA EMBAIXADA

Presidente do senado Rodrigo Pacheco

 

O presidente Jair Bolsonaro encaminhou ao Senado a indicação do ministro do Tribunal de Contas da União (TCU) Raimundo Carreiro Silva para ser embaixador do Brasil em Portugal. O nome ainda tem que ser apreciado e aprovado pela Comissão de Relações Exteriores do Senado e pelo plenário da Casa para que então Carreiro seja nomeado para o cargo.

 

Conforme o Estadão noticiou na semana passada, inicialmente, Carreiro só sairia do TCU em setembro de 2023, quando completa 75 anos, idade da aposentadoria compulsória. A escolha dele para a embaixada, no entanto, tem o objetivo de abrir espaço para que o governo tenha maior interlocução com o TCU. A vaga na corte de contas será preenchida por indicação de senadores.

 

De acordo com a reportagem, o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD-MG), terá um impasse a resolver na escolha do próximo nome para compor o TCU. Ele tinha o plano inicial de dar a vaga ao senador Antonio Anastasia (PSD-MG), seu aliado. No entanto, dois outros senadores reivindicam o posto: Kátia Abreu (Progressistas-TO) e o líder do governo no Senado, Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE).

 

Pesquisa

Última edição

o-paralelo-13-edicao-505.jpg

Boletim de notícias

Boletim de notícias

Colunistas

 

Últimas notícias