Queremos recuperar a moralidade no Governo do Estado, afirma o pré-candidato do Brasil 35, Coronel Aviador Ricardo Macedo

Posted On Terça, 17 Mai 2022 14:31
Avalie este item
(0 votos)

Pré-candidato a governador do Tocantins pelo Brasil 35 (antigo Partido da Mulher Brasileira – PMB), o Coronel Aviador Ricardo Macedo foi incentivado a entrar na política pelo presidente da República, Jair Bolsonaro (PL)

 

Com Assessoria

 

Depois que passou para a reserva, em 2018, incentivado por Bolsonaro, o Coronel Macedo trabalhou no Tocantins para criação do partido Aliança pelo Brasil, o que reforçou a vontade de participar da política partidária. “Eu entrei nessa batalha porque temos visto não só no Tocantins, mas no Brasil como um todo, muitos desmandos nos Estados”, disse o pré-candidato.

 

Observando o que é praticado no Estado, o Coronel Ricardo se convenceu da necessidade de trabalhar na implantação uma política transparente, honesta, para que o Tocantins não perca o rumo do desenvolvimento.

 

“Queremos recuperar essa moralidade no Estado”, afirma com convicção. Como não foi possível a homologação do Aliança pelo Brasil no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) em tempo hábil, Macedo aceitou a proposta de se apresentar como pré-candidato a governador do Tocantins, após ser convidado por seu partido. Por que? “Porque é um partido também muito conservador, um partido que conjuga dos mesmos princípios de moralidade, de civismo, de ética, de pátria, de família, de Deus”, esclarece.

 

Tocantinense da gema

 

O Coronel Aviador Ricardo Ignácio Macedo, nasceu e viveu até os 16 anos de idade em Porto Nacional, filho de família tradicional. Teve uma base familiar e religiosa exemplar e estudou no Colégio Estadual e no Colégio Sagrado Coração de Jesus, antes de ingressar na Força Aérea Brasileira (FAB) em 1980, por meio de concurso público. De Goiás, apenas dois candidatos foram aprovados, ele e mais um de Ipameri.

 

Depois de sete anos de formação militar, três na Escola Preparatória de Cadetes e quatro anos na Academia da Força Aérea em regime de internato, quando saiu como piloto militar, morou em diversas regiões do Brasil, Nordeste, Sudeste, Centro Oeste, Sul, e fez muitas operações na região Norte.

 

Casou-se em Natal (RN). A primeira filha nasceu em Recife (PE) e a segunda em São Paulo. O casal perdeu a primeira aos oito anos de idade. O trauma foi superado com a força espiritual e com a dedicação à filha mais nova, Raíssa, com seis anos à época. Hoje Raíssa é formada em Relações Internacionais e está terminando Direito.

 

Coronel Ricardo representou a Força Aérea Brasileira em Israel, junto à embaixada brasileira em Tel Aviv por dois anos. Quando retornou de Israel trabalhou no Ministério da Defesa, como assessor de planejamento estratégico. Nessa função fez planejamentos importantes na confecção da Política Nacional de Defesa, como coordenador de grupo de trabalho. Esse aprendizado lhe trouxe grande conhecimento de planejamento estratégico, que permite fazer planejamento a longo prazo.

 

Com esse conhecimento amplo do Brasil e de seu Estado, aliado ao desejo de trabalhar com transparência, honestidade, respeito ao próximo, valorizando a base familiar é que o Coronel Ricardo se apresenta ao povo tocantinense como pré-candidato a governador.

 

Pesquisa

Última edição

o-paralelo-13-edicao-506.jpg

Boletim de notícias

Boletim de notícias

Colunistas

 

Últimas notícias