NOTA À IMPRENSA

Posted On Quinta, 14 Abril 2016 06:50
Avalie este item
(0 votos)
A respeito da decisão da Justiça e da investigação do Ministério Público Federal, sobre um suposto esquema de desvio de dinheiro público na Saúde do Estado, entre os anos de 2012 a 2014, o Governo do Tocantins esclarece que essa gestão, desde o primeiro momento, por determinação do governador Marcelo Miranda, trabalha para minimizar os problemas que tanto prejudicam o povo tocantinense.
 
O Governo do Tocantins reconhece as dificuldades enfrentadas pela população, mas entende que a situação atual é resultado dos problemas herdados da gestão anterior e que, muitos deles, foram explicitados na investigação do MPF. Além dos expressivos valores contratados, que são alvo da decisão judicial, esta gestão também se deparou com muitos compromissos em aberto, o que tem atrapalhado a relação com os fornecedores.
 
Com o objetivo de retomar a dignidade no atendimento à população e oferecer melhores condições de trabalho aos profissionais da saúde, o Governo do Estado já tomou uma série de medidas que ainda estão em curso:
 
- renegociação e revisão de contratos com prestadores de serviços;
 
- reestruturação do setor, implantando um novo modelo de gestão e governança;
 
- implantação do Gabinete de Enfrentamento à Crise na Saúde que reúne secretários de pastas diversas com o objetivo de encontrar soluções para os problemas da saúde no estado;
 
- elaboração do Plano de Ação (em fase de conclusão) que será entregue aos órgãos de controle e à própria Justiça;
 
- construção, reforma de unidades de saúde no interior e, principalmente, a retomada da obra de ampliação do Hospital Geral de Palmas (HGP), paralisada desde de 2014.
 
Com o resultado da investigação, fica mais evidente que o prejuízo à saúde hoje no Tocantins é o reflexo direto das irresponsabilidades cometidas pela gestão passada. Situação que fica clara na ação do Ministério Público Federal, que é relativa aos anos de 2012, 2013 e 2014.
 
Mesmo assim, o Governo do Tocantins acredita que, aos poucos, as medidas já implementadas e outras que serão tomadas vão começar a ser sentidas pela comunidade e o setor da saúde vai voltar a oferecer um serviço de qualidade para toda a população do Tocantins
 
Lyvio Luciano Carneiro de Queiroz
 
Secretário-Geral de Governo e Articulação Política
 
Presidente do Gabinete de Enfrentamento à Crise na Saúde
 

Pesquisa

Última edição

o-paralelo-13-edicao-502.jpg

Boletim de notícias

Boletim de notícias

Colunistas

 

Últimas notícias